Ir para o conteúdo

Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal Viamão-RS
Acompanhe-nos:
Facebook
Twitter
You Tube
Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
17
17 JUN 2020
EDUCAÇÃO
Viamão investe no desenvolvimento de habilidades socioemocionais das crianças durante pandemia

A partir do programa Asas, crianças do município receberão atividades que trabalham habilidades como autocontrole, empatia e autonomia. O incentivo a essas capacidades pode formar indivíduos mais bem preparados emocionalmente para a infância e a vida adulta.

O estímulo às habilidades socioemocionais, como autocontrole, persistência, empatia, cooperação e autonomia está ganhando espaço nas escolas e universidades mundo afora. Isso porque um indivíduo que possui essas capacidades tende a ser mais bem preparado para enfrentar adversidades como a que estamos enfrentando agora, com a pandemia de coronavírus.

Desde o início do afastamento escolar, em março, a rede municipal de educação de Viamão implementou estratégias para promover o bem-estar dos estudantes, como a criação de uma rede virtual para manutenção do vínculo entre alunos e professores. Agora, o município inova mais uma vez ao lançar um programa de aprendizagem socioemocional chamado “Asas”, com apoio técnico e financeiro do Instituto Raiar.

A iniciativa se soma aos demais esforços do Pacto Viamão pela Educação que, desde 2018, promove a aprendizagem através do Sistema de Ensino Estruturado. Durante a pandemia, o empenho dedicado aos estudantes do município não foi abandonado – pelo contrário: uniu gestores, professores e familiares em torno de um bem comum.

O programa Asas seria implementado presencialmente para as turmas de jardim I e II no calendário escolar deste ano. Devido à pandemia, a rede municipal decidiu estrear a metodologia como uma estratégia de suporte às crianças e suas famílias durante o período de isolamento social. Para isso, adaptou o programa para atender também as turmas do 1º ao 5º ano.

O objetivo é oferecer suporte emocional para que as famílias consigam atravessar este momento com mais serenidade e, ainda, diminuir os impactos negativos, como tristeza, tédio e estresse.

“Sabemos que as crianças estão afastadas de seu principal espaço de socialização, que é a escola, onde aprendem, têm amigos, recebem afeto e se divertem. Por isso, a preocupação da gestão neste momento é manter a atenção integral às crianças, através deste trabalho com as habilidades socioemocionais”, explica Simone Rodrigues, secretária de Educação do município.

As atividades serão enviadas semanalmente aos pais pelos professores, aproximando famílias e escolas para que, juntos, possam fortalecer o amor e o cuidado integral que todas as crianças merecem. Como resultado, espera-se que as crianças não tenham perdas em seu desenvolvimento e conquistem, junto aos seus familiares, habilidades como autoconfiança e autonomia.

Essa estratégia, aliada às demais atividades de estímulo cognitivo do Ensino Estruturado, poderá auxiliar crianças (e adultos) em seu desenvolvimento pleno, para que não somente atravessem este momento desafiador com mais facilidade, mas para que também se tornem mais fortalecidos e resilientes por toda a vida.

Seta
Copyright Instar - 2006-2020. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia